Arroz malandrinho com almôndegas . Wet rice with meatballs

Arroz malandrinho com almôndegas . Wet rice with meatballs

Posso confessar que sou uma "arrozeira" e que gosto de todos os arrozes, desde os mais exóticos, como o selvagem, jasmim ou basmati, passando pelo cremoso risotto, com arroz arborio ou carnaroli, e chegando ao nosso carolino, perfeito num arroz de cabidela ou arroz doce, só para nomear os meus dois arrozes preferidos.

Embora o arroz não seja uma planta aquática, a sua cultura só é possível em terrenos submetidos a cheias. Em Portugal, o arroz é produzido principalmente na zona dos estuários dos rios Mondego, Sado e Tejo. Foi precisamente na Lezíria Ribatejana que, em 1997, dez produtores decidiram juntar esforços para produzir e comercializar um arroz que pretendiam que fosse de excelência e com qualidades únicas. Quase 20 anos depois, pode dizer-se que foi uma aposta ganha. Se visitarem o sítio da Orivárzea na Internet, vão ficar a saber algumas coisas muito interessantes sobre esta empresa, como o facto de serem totalmente fiéis ao seu próprio arroz, por isso se a colheita de um ano esgotar há que esperar pelo outono para haver uma nova colheita no mercado; ou que o arroz é produzido em Protecção Integrada, ou seja, são utilizados vários métodos de combate a pragas visando uma aplicação reduzida de pesticidas; ou ainda que o Arroz Carolino da Lezíria Ribatejana recebeu a certificação IGP – Identificação Geográfica Protegida, o que significa que é um produto homologado pela União Europeia como tendo características diferenciadoras únicas a nível mundial. 

Esta receita é feita em colaboração com o arroz Bom Sucesso, o arroz premium da Orivárzea e disponível nas variedades carolino, agulha, integral e aromático. Nesta receita usei o arroz carolino, uma variedade genuinamente Portuguesa e que se caracteriza por ter um bago branco, curto e gordo, perfeito para absorver os sabores em que é cozinhado. É a variedade utilizada nos muitos arrozes malandrinhos da nossa cozinha tradicional. 

Para fazer um arroz malandrinho uso entre três a quatro chávenas de líquido por cada chávena de arroz. Começo com três e vou acrescentando mais, se necessário. Quando o arroz estiver cozinhado devem servir de imediato, pois este vai continuar a absorver o líquido e vai deixar de ter este molho rico e maravilhoso. E se quiserem mais uma receita para usarem este arroz carolino, então sugiro este arroz doce cremoso, polvilhado com muita canela.



I confess that I love rice and that I like them all, from the more exotic, like black, jasmine or basmati, passing by the creamy risotto, with arborio or carnaroli, and coming to the Portuguese carolino, perfect for traditional wet rice dishes lile cabidela, cooked with chicken blood, or rice pudding, to name my two favorite wet rice dishes.

Although rice is not an aquatic plant, its culture is only possible on land subject to flooding. In Portugal, rice is produced mainly in the area of ​​the estuary of Mondego, Sado and Tejo rivers. It was precisely in the latter that in 1997, ten farmers decided to join forces to produce and market a rice they wanted to be of excellence and with unique qualities. Almost 20 years later we can say this was a winning initiative. If you visit the site of Orivárzea on the Internet, you will get to know some very interesting things about this company.

This recipe is made in collaboration with rice Bom Sucesso, the premium Orivárzea rice and available in the varieties carolino (short-grain), agulha (long-grain), brown and aromatic. In this recipe I used carolino, a truly Portuguese variety of rice, characterized by having a white, short and bulkier grain, perfect to absorb the flavors in which it is cooked. It is the variety used in the many wet rices of Portuguese traditional cuisine. 

To make a wet rice I use three to four cups of liquid for each cup of rice. I start with three and add some more if needed. When the rice is cooked you should serve immediately because it will continue to absorb the liquid and it will loose the rich and wonderful sauce. And if you want another recipe to use carolino rice, then I suggest this creamy and sweet rice pudding, sprinkled with a lot of cinnamon.

Arroz malandrinho com almôndegas . Wet rice with meatballs

Arroz malandrinho com almôndegas

Os arrozes malandrinhos são um elemento importante da tradição culinária em Portugal.
Serve 4

Ingredientes:
Para as almôndegas
50 g de miolo de pão
75 ml leite
500 g de carne picada
1 ovo
1 dente de alho, esmagado
Sal e pimenta a gosto

1 colher de sopa de azeite
1 cebola, picada finamente
2 dentes de alho, esmagados
1/2 pimento vermelho, picado finamente
400 g tomate em lata, picados grosseiramente
1 haste de tomilho fresco
1 colher de sopa de vinagre balsâmico
2 chávenas de caldo de carne
1 a 2 chávenas de água
1 chávena de arroz carolino Bom Sucesso
Sal e pimenta a gosto
1/2 chávena de salsa fresca picada, para servir

Preparação:
1. Coloque o miolo de pão e o leite numa taça grande e misture bem para incorporar. Quando o pão absorver o leite, junte a carne picada, ovo, alho, sal e pimenta e misture bem. Retire pequenas porções desta mistura e faça bolinhas, rolando entre as mãos (manter as mãos molhadas ajuda a moldar as almôndegas).

2. Num tacho grande, aqueça o azeite em lume médio-alto. Frite as almôndegas por 5 minutos, virando-as com frequência. Retire e reserve.

3. Reduza o lume para médio e junte a cebola, deixando cozinhar por cerca de 3 minutos, até ficar translucida. Adicione os alhos, pimento vermelho, tomate, vinagre balsâmico e tomilho e deixe cozinhar por 10 minutos, até o tomate e pimento estarem praticamente desfeitos, mexendo com frequência para não agarrar ao fundo do tacho.

4. Adicione o caldo de carne, 1 chávena de água, as almôndegas, sal e pimenta e deixe levantar fervura. Junte o arroz e cozinhe em lume brando durante aproximadamente 12 minutos, até que o arroz esteja cozinhado. Vá adicionando mais água, caso esteja a ficar muito seco.

5. Sirva imediatamente, salpicado com salsa picada.


Arroz malandrinho com almôndegas . Wet rice with meatballs

Wet rice with meatballs

Wet rices are an important element of Portuguese culinary tradition.
Serves 4

Ingredients:
For the meatballs
50g bread, crumbled
75ml milk
500g minced meat
1 egg
1 garlic clove, crushed
Salt and pepper to taste

1 tbsp olive oil
1 onion, finely chopped
2 garlic cloves, crushed
1/2 red pepper, finely chopped
400g canned tomatoes, coarsely chopped
1 fresh thyme rod
1 tbsp balsamic vinegar
2 cups meat broth
1 to 2 cups water
1 cup rice, short-grain type
Salt and pepper to taste
1/2 cup chopped fresh parsley, to serve

Method:
1. Place the bread crumbs and milk in a large bowl and mix well to incorporate. When the bread absorbs the milk, add the minced meat, egg, garlic, salt and pepper and mix well. Take small portions of this mixture and make little balls, rolling between your hands (keep wet hands to help shape the meatballs).

2. In a large saucepan, heat olive oil over medium-high heat. Fry the meatballs for 5 minutes, turning them often. Remove and set aside.

3. Reduce heat to medium and add the onion and cook for about 3 minutes, until translucent. Add the garlic, red pepper, tomato, balsamic vinegar and thyme and cook for 10 minutes, until the tomatoes and peppers are almost mashed, stirring often so it doesn't stick to the bottom of the pan.

4. Add the broth, 1 cup of water, the meatballs, salt and pepper and bring to the boil. Add the rice and cook over low heat for about 12 minutes until the rice is cooked. Add more water if it is getting too dry.

5. Serve immediately, sprinkled with chopped parsley.

Comments

  1. Adoro arrozes, e quanto mais malandrinhos melhor!! Mas a minha perdição é sem dúvida o risotto, perco a cabeça com risottos. Se sou capaz de não comer o arroz a acompanhar um prato e susbstituir por legumes, se vejo risotto á frente não me contenho. Isso e cabidela, jazuz, o que eu ADOOOOOOOROOOOOO uma boa cabidela! Pronto, estás-me a dar fome, e ainda por cima tenho uma galinha do campo e carne picada no congelador, agora apetece-me almondegas com este arroz seguido de uma boa cabidela, ai onde vai parar a espécie de dieta que ando a fazer...
    http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  2. Que delícia!!
    Eu também adoro arroz e, em especial, arroz malandrinho e com um aspecto delicioso como este teu e as almôndegas são a combinação perfeita.
    Simplesmente magnífica esta sugestão!
    Um beijinho,
    Lia

    ReplyDelete
  3. Rice treats on these photos look tasty. And this recipe is interesting. I will try to cook it on my cooker. I think, it is important to know which devices you work in your kitchen. Neuro fuzzy logic cooker reviews.

    ReplyDelete

Post a Comment