Pão de figos . Fig bread

Pão de figos (No-knead fig bread)

O salgado e o doce num delicioso pão com figos secos, que não precisa de ser amassado. Passamos onze meses à espera das férias e parece que estas terminam ainda mal começaram. Existe mesmo um nome científico para a nostalgia que se instala quando as férias acabam e é necessário voltar a retomar as rotinas do dia-a-dia, "síndrome pós-férias". Mesmo assim sabe bem voltar para casa e penso que não há nada que represente tanto o conforto de um lar como o aroma e o calor de um pão acabado de fazer.

Foram três semanas de praia e piscina, sem horários para cumprir e com muita leitura atrasada para pôr em dia. O tipo de férias ideal para recarregar baterias. O tempo podia ter ajudado um pouco mais. Em alguns dias o sol só apareceu já a tarde ia a meio; vento, muito vento, mais até do que é costume em Lagos; e a água do mar sempre gelada. 

Apesar de toda a confusão que se instala no Algarve nesta altura do ano, Lagos continua a manter algum do seu encanto, com as suas ruas estreitas ladeadas por casas brancas. Um dos meus locais de paragem obrigatória é o mercado municipal, para comprar ameijoas, perceves, figos ou peixe fresquíssimo. Do mercado trouxe comigo figos secos e usei alguns para fazer este pão, com a técnica de levedação lenta que dispensa o trabalho de amassar (afinal ainda estou um pouco em modo de férias). Morno, com manteiga ou queijo, é uma delícia. Simultaneamente doce e salgado, com uma côdea estaladiça, tornou o meu regresso a casa muito mais agradável. 



Savory and sweet in a delicious no-knead bread with dried figs. We spend eleven months waiting for the holidays and they seem to end just as soon as they start. There is even a scientific name for the nostalgia that sets in when the holidays end and it's necessary to restart the day-to-day routines, "post-vacation syndrome." Nevertheless, it feels good to come back home and I think nothing represents better the comforts of home as the aroma and warmth of freshly baked bread.

There were three weeks of beach and pool, no schedules to meet and a lot of reading to catch up on. The type of vacations that are ideal to recharge batteries. The weather could have helped some more. On some days the sun only appeared when the afternoon was already halfway; wind, a lot of wind, even more than usual in this city in the south of Portugal, Lagos; and rather cold sea water.

Despite all the confusion that settles in the south region of Portugal, Algarve, this time of year, Lagos still maintains some of its charm, with its narrow streets lined with white houses. One of the places I need to go everytime I am here is the town market to buy clams, goose barnacles, figs or fresh fish. From the market I brought dried figs with me and used some to make this bread, with the slow leavening technique that avoids all the kneading work (after all I'm still a little in vacation mode). Warm, with butter or cheese, is a delight. Both sweet and salty, with a crisp crust, made my return to home much more pleasant.

Pão de figos (No-knead fig bread)
Pão de figos (No-knead fig bread)
Pão de figos (No-knead fig bread)

Pão de figos
Baseado na receita de "no-knead bread" de Jim Lahey

Ingredientes:
3 chávenas (450g) de farinha de trigo T65
1/4 colher de chá de fermento de padeiro em pó (tipo Fermipan)
1 1/2 chávenas (375ml) de água
1 1/4 colheres de chá de sal
 1 chávena de figos secos, picados grosseiramente
Azeite para untar
Farinha para polvilhar

Preparação:
Numa tigela grande, misturar a farinha, sal e fermento. Adicionar a água e os figos picados e misturar com uma colher de pau; a mistura vai estar pegajosa. Cobrir a tigela com película aderente untada com um pouco de azeite e deixar repousar durante 12 a 18 horas, à temperatura ambiente (cerca de 21ºC).

Quando a massa estiver pronta vão reparar que tem algumas bolhas na superfície. Enfarinhar levemente uma superfície de trabalho e colocar a massa sobre ela; polvilhar com um pouco mais de farinha e dobrá-la sobre si mesma uma ou duas vezes. Cobrir com película aderente e deixar descansar por 15 minutos.

Com um pouco mais de farinha, apenas a suficiente para evitar que a massa se agarre à superfície de trabalho ou aos dedos, moldar a massa numa bola, rápida e delicadamente. Enfarinhar generosamente um pano de algodão; colocar a massa sobre o pano e polvilhar com mais farinha. Tapar com outro pano de algodão e deixar levedar durante aproximadamente 2 horas. Quando estiver pronta, a massa terá crescido mais do dobro em tamanho e, se pressionarem com o dedo, não vai voltar à forma original rapidamente.

Meia hora antes de massa estar pronta, aquecer o forno a 240ºC. Colocar uma panela pesada e com tampa (ferro fundido, esmalte, pirex ou cerâmica)  no forno enquanto este aquece. Quando a massa estiver pronta, retirar cuidadosamente panela do forno. Com a ajuda do pano, virar a massa para dentro da panela. Agitar a panela uma ou duas vezes se a massa ficar distribuída de forma muito desigual; ela irá ficar mais uniforme enquanto coze. Cobrir com a tampa e levar ao forno por 30 minutos. Ao fim deste tempo, retirar a tampa e cozer por mais 15 a 30 minutos, para dourar o pão. Arrefecer sobre uma grade.



Fig bread
Based on Jim Lahey's no-knead bread recipe

Ingredients:
3 cups (450g) all-purpose or strong white flour
1/4 tsp instant yeast
1 1/2 cup (375ml) water
1 1/4 tsp salt
1 cup dried figs, roughly chopped
Olive oil for greasing
Flour for dusting

Method:
In a large bowl combine flour, salt and yeast. Add water and chopped figs and mix with a wooden spoon; the mixture will be sticky. Cover the bowl with greased plastic wrap and set aside for 12 - 18 hours, at room temperature (around 21ºC).

When the dough is ready you will notice bubbles on its surface. Lightly flour a work surface and place dough on it; sprinkle it with a little more flour and fold it over on itself once or twice. Cover loosely with plastic wrap and let it rest for 15 minutes.

Using just enough flour to keep dough from sticking to the work surface or fingers, gently and quickly shape dough into a ball. Generously coat a cotton towel with flour; put dough on towel and dust with more flour. Cover with another cotton towel and let rise for about 2 hours. When it is ready, dough will be more than double in size and will not readily spring back when poked with a finger.

Half-hour before dough is ready, heat oven to 240ºC. Put an oven-safe heavy covered pot (cast iron, enamel, Pyrex or ceramic) in oven as it heats. When dough is ready, carefully remove pot from oven. Using the towel, turn dough over into the pot. Shake pan once or twice if dough is unevenly distributed, it will straighten out as it bakes. Cover with lid and bake for 30 minutes, then remove lid and bake another 15 to 30 minutes, to brown the crust. Cool on a rack.

Comments

  1. Que aspecto delicioso Paula! Este pão maravilha piscou-me o olho ainda no Instagram e agora que o vejo aqui fiquei ainda com mais vontade de experimentar. Vai já para a minha lista, pois eu adoro figos, sejam eles secos ou frescos e no pão então, não há como resistir. :)
    Um beijinho.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Figos, pão e queijo... há lá coisa melhor? Obrigada pela visita Célio :)

      Delete
  2. Que original! Adorei a sugestão...

    Um excelente dica para quem está de regresso a casa, depois de umas férias que passaram muito depressa :P Tal como escreveu - já estavam a terminar ainda mal pareciam ter começado. Por isso agora, há que voltar às lides culinárias.

    http://deaprendizachef.blogspot.pt/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Dá sempre pena quando uma coisa boa acaba :) mas já tinha saudades da minha cozinha. Obrigada pela visita Daniel!

      Delete
  3. Replies
    1. Eu adorei, mas sou suspeita :) obrigada pela visita

      Delete

Post a Comment