Focaccia de tomate cereja e manjericão / Cherry tomato and basil focaccia


Uma das minhas memórias olfativas mais antigas é a de broa de milho a cozer em forno de lenha. Eu e as minhas irmãs eramos crianças e passávamos as férias de verão em casa dos nossos avós paternos na Serra da Lousã. Havia uma horta, árvores de fruto (ai os abrunhos colhidos e comidos no mesmo instante) e um milheiral, galinhas e cabras, queijos a curar pendurados em prateleiras dispostas pela casa toda e um forno de lenha onde se coziam as broas de milho amarelo, que eram o único pão que se comia em casa. Não havia eletricidade, esta só chegou ao monte alguns anos mais tarde, e ainda me vem também à memória o cheiro exalado pelos candeeiros a petróleo.

Sou, pois, beirã por parte do pai mas alentejana por parte da mãe e está tudo dito. O pão estava, e está, sempre presente à mesa. Foi por isso com muito agrado que recebi o desafio para o Dia Um… na Cozinha de maio.

Fazer pão em casa não é muito complicado e a preparação mais prolongada, devido ao tempo necessário para levedar a massa, é amplamente justificada pelo aroma que se desprende de um pão acabado de fazer. O que é realmente difícil é esperar que o pão arrefeça antes de o saborear com um pouco de manteiga ou, mais simplesmente, molhado em azeite de boa qualidade.

A focaccia é um pão com origem na cidade de Génova, na Itália. É achatado, macio e normalmente coberto com sal grosso, azeite e alecrim, mas pode juntar-se outras ervas e legumes. É um pão ideal para partilhar com os amigos, num final de tarde no verão, acompanhado por um bom azeite e um bom vinho. 

Bom apetite!


One of my earliest memories is the aroma of cornbread baking in a wood oven. Me and my sisters were kids and we spent the summer vacation in our grandparents home. There was a vegetable garden, fruit trees (hum, sloes harvested and eaten at once), a cornfield, chickens and goats, cheeses hanging in shelves arranged throughout the house and a wood-burning oven where the yellow cornbreads were baked, which were the only bread that was eaten at home. There was no electricity, which became available only a few years later, and I also remember the scent exhaled by the oil lamps.

My mother also comes from a Portuguese region where bread was for many years the basis of people's food, Alentejo. Thus, bread was, and is, always present at the table. It was therefore with great pleasure that I was challenged to make a bread to post on the 1st of May.

Making bread at home is not very complicated and the longer preparation, due to the time needed for the dough to rise, is amply justified by the aroma coming from a freshly baked bread. What is really hard is to wait for the bread to cool before tasting it with a bit of butter or, more simply, soaked in a little of good quality olive oil.

The focaccia is a bread originated in the city of Genoa, Italy. It is flat, smooth and usually covered with coarse salt, olive oil and rosemary, but you can add other herbs and vegetables. It is ideal for sharing with friends, one late afternoon in the summer, accompanied by a good olive oil and a good glass of wine .

Bon appetit!


Focaccia de tomate cereja e manjericão


Ingredientes:

500 g farinha de trigo T65
300 ml água tépida 
20 g fermento de padeiro fresco
½ colher de sopa de açúcar
Sal
Azeite extra virgem
1 ramo pequeno de manjericão fresco, só as folhas
250 g tomate cereja, cortado em metades

Preparação:

Dissolver o fermento com o açúcar na água tépida. Mexer e colocar num local ameno, livre de correntes de ar, até que se forme uma espuma (cerca de 10 a 15 minutos, dependendo da temperatura ambiente).

Numa taça, colocar a farinha, 3 colheres de sopa de azeite e meia colher de sopa de sal e fazer um buraco no meio. Adicionar a água com fermento e mexer com um garfo até obter uma massa que se despegue da taça (juntar mais um pouco de farinha, se necessário).

Polvilhar a bancada com farinha e trabalhar a massa com as mãos durante 10 minutos.

Colocar a massa dentro de uma taça untada com azeite. Deixar levedar durante aproximadamente 1 hora, até que duplique de volume, tapada com película aderente untada com azeite (ou um pano húmido) e num local de temperatura amena e sem correntes de ar (coloquei no forno, na função de aquecimento, a 35ºC).

Depois de a massa levedar, untar um tabuleiro com azeite, deitar nele a massa e empurrar do centro para as pontas para ajustar ao tabuleiro. Voltar a cobrir com película aderente e deixar a levedar durante mais 1 hora.

Pré-aquecer o forno a 220ºC.

Numa taça, colocar o tomate cereja cortado em metades, as folhas de manjericão picadas grosseiramente, um pouco de sal, pimenta e um fio de azeite. Misturar.

Com as pontas dos dedos, criar concavidades sobre a superfície da massa. Espalhar o tomate temperado. Terminar com mais um fio de azeite e umas pedras de sal.

Cozer no forno pré-aquecido durante 20 a 30 minutos, até que a superfície esteja dourada.

Cortar a focaccia e saborear, molhando em azeite de boa qualidade.




Cherry tomato and basil focaccia

Ingredients:

500 g strong white bread flour
300 ml lukewarm water
20 g fresh yeast
1/2 tbsp caster sugar
Salt
Extra virgin olive oil
1 small bunch basil, only leaves
250 g cherry tomatoes, halved


Method:

Dissolve the yeast and sugar in the lukewarm water. Stir and place in a warm place, free of drafts, until it forms a foam (about 10 to 15 minutes, depending on the room temperature).

In a bowl place the flour, 3 tablespoons of olive oil and half a tablespoon of salt and make a hole in the middle. Add the water with the yeast and stir with a fork until the dough comes off from the sides of the bowl (add a little more flour if needed) .

Sprinkle the counter with flour and work the dough with your hands for 10 minutes.

Place the dough in an oiled bowl. Let it rise for about 1 hour until double in volume, covered with oiled clingfilm (or a damp cloth) in and a place of mild temperature and no drafts (I put mine in the oven and turned the heating function on, 35ºC).

After the dough has risen, grease a baking pan with olive oil, pour the batter in it and push from the center to the edges to fit the pan. Cover back with clingfilm and let to rise for 1 hour more.

Preheat the oven to 220ºC.

In a bowl, put the cherry tomatoes cut into halves, the basil leaves roughly chopped, a little salt, pepper and a drizzle of olive oil. Mix.

With your fingertips, make dimples all over the dough. Spread the seasoned tomatoes. Finish with another drizzle of olive oil and some salt flakes.

Bake in the preheated oven for 20-30 minutes until the surface is golden brown.

Cut the focaccia and enjoy, soaking in good quality olive oil.

Comments

  1. Adoro focaccia e a tua ficou linda e, de certeza, deliciosa.
    Bjn
    Márcia

    ReplyDelete
  2. Uma forma diferente de cozinhar pão, bem guarnecido e com todo o sabor.
    Bjs.
    Paula

    ReplyDelete
  3. Que linda ficou a tua focaccia! Normalmente só vemos focaccias com alecrim, o tomate dá-lhe uma cor maravilhosa! E as tuas fotos são muito lindas, parabéns!
    Beijinhos

    ReplyDelete
  4. Adoro, também fiz focaccia e esta está com um aspeto delicioso...
    Beijinhos

    ReplyDelete
  5. Também fiz focaccia um dia destes mas não foi para este dasafio. Coloquei azeitonas, chouriço e alheira (brevemente aparece a receita no blog). Adoro focaccias e esta ficou lindissima com um otimo aspeto. Acredito que de sabor tenha ficado 5****.

    Beijinhos

    Ana Matos

    Dona Delicia - Atelier de Sabores

    ReplyDelete
  6. Adoro e esta ficou bem ao meu gosto.
    Esta fantástica e já se comia
    bj

    ReplyDelete
  7. Bela focaccia! Nunca fiz nem comi nenhuma, tenho de experimentar. Por acaso, era para fazer, mas depois decidi-me pelo pão com chouriço.
    Adorei a tua sugestão ;)
    Beijinhos

    Recanto com tempero
    http://recantocomtempero.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  8. Adoro focaccia e está está uma verdadeira maravilha!! E linda...porque os olhos também comem ;)
    Beijinhos *
    Vânia

    ReplyDelete
  9. Ficou fantástica e eu cheia de vontade de provar

    ReplyDelete
  10. Tenho que fazer, deve ficar bem aromática e o sabor deve ser maravilhoso.
    Bjs

    ReplyDelete
  11. Ola,
    Parabens pela tua participação.
    Ficou lindíssima a tua focaccia. Adoro a combinação.
    Bjinho

    Katia
    http://entretachosebimby.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  12. Faço menos do que pão mas gosto muito de focaccia.
    Esta tua está com um aspecto tão delicioso, com um aspecto mesmo crocante na superficie, super apetitosa :)

    Bjinhos
    Susana

    ReplyDelete
  13. Gostei muito da opção da focaccia, ficou linda e os sabores são fantásticos, além das recordações que te trouxe :)
    Bjns
    Isabel

    ReplyDelete
  14. Focaccia é fantástica e esta ficou perfeita.
    Adorei a tua participação. Parabéns por este magnífico pão.

    Beijinhos

    ReplyDelete
  15. Ficou linda e colorida com os tomates, nunca fiz focaccia, tenho de experimentar.
    Bjs

    ReplyDelete
  16. Adoro focaccia! Já fiz algumas vezes e adoro!
    A tua ficou linda!
    Beijinhos

    Sílvia
    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  17. Ora aqui está um pão tão tradicional e que ainda não experimentei. Ficou linda a focaccia!

    ReplyDelete
  18. Olá Paula,

    Ficou maravilhosa esta focaccia de sabores simples mas inebriantes e que desfilou vaidosa na passerelle dos pãezinhos do "Dia Um... Na Cozinha" ! :)
    Que linda ! Que apetitosa ! :)
    Não viesse eu ler este texto e não saberia que os nossos pais são da mesma zona !
    O meu Pai era da zona da Lousã, onde tantas férias eu passei !
    Conheço muito bem a Senhora da Piedade e também a serra em si, onde tantos passeios dei ! :)
    E também tenho tão boas recordações da casa dos avós !
    Obrigada Paula, por estares connosco no desfile e nos fazeres companhia !

    Um beijinho grande !

    Isabel
    Brisa Maritima
    Blog do Chocolate

    ReplyDelete
  19. Olá Paula!
    As focaccias perseguem-me. Já via tantas e tão lindas, mas acredtas que nunca fiz nenhuma?!
    Pois é, mas depois de ver a tua fiquei com muita vontade de fazer. Acho que vou gostar desse pão. Ficou com um aspecto delicioso, eu adoro tomate e pão, e também manjericão, logo ia adorar provar a tua focaccia. É uma receita para experimentar. ;)
    Beijinho.

    ReplyDelete
  20. Essas memórias são preciosas... Devia ser tão feliz a vida no monte. Mesmo com algumas carências o essencial e o verdadeiro estava lá. A focaccia etá linda, parabéns.

    Beijinhos,
    Raquel
    http://amor-as-camadas.blogspot.pt

    ReplyDelete

Post a Comment